Live Conecta Postalis orienta aposentados sobre recadastramento

Quase 60% dos aposentados já concluíram ou iniciaram o processo, que vai até 31 de outubro

Quase 60% dos aposentados dos planos PBD e Postalprev, do Postalis, já concluíram ou iniciaram seu recadastramento, 100% online. O prazo vai até o dia 31 de outubro e a meta é atingir a totalidade dos 30,9 mil aposentados destes planos, evitando o corte de benefícios ou o pagamento indevido. Para orientar os que ainda não se recadastraram ou não finalizaram a atualização de seus dados no Instituto, foi realizada nesta quarta-feira (28/09) mais uma edição do Conecta Postalis, evento ao vivo pela internet (live). Assista aqui na íntegra: https://youtu.be/RntEEnbzYR4 .

Durante uma hora, o presidente Paulo Humberto César de Oliveira, o diretor de Gestão Previdencial, Carlos Alberto Zachert, a gerente de Relacionamento com o Participante, Karina Dantas, e a gerente de Benefícios, Juliana Rodrigues, apresentaram o passo a passo do processo de recadastramento obrigatório, que deve ser feito exclusivamente por participantes que se aposentaram por estes dois planos até junho de 2022. Basta acessar o endereço: www.postalis.org.br/recadastramento/, usando a mesma senha do autoatendimento do site do Postalis, e seguir as instruções na tela. Para esclarecer dúvidas, o site do Instituto conta com um vídeo tutorial e um guia em texto com imagens. Também estão disponíveis perguntas e respostas às dúvidas mais frequentes. Além disso, a Central de Atendimento pode ser acessada pelo 0800 879 0300.

Para evitar a suspensão do pagamento de aposentadorias e inclusive do abono anual, em dezembro, os participantes devem consultar a situação do recadastramento após o envio dos dados, no Postalis Online. Pouco mais de 3 mil aposentados iniciaram o processo, mas não concluíram, e ainda há tempo hábil para identificar as pendências e corrigi-las. A partir de 1º novembro, os benefícios dos que não completarem o cadastro estarão suspensos até a regularização do aposentado junto ao Instituto.

Além de reforçar a importância do cadastro correto para evitar o pagamento indevido de benefícios, o Postalis está investindo em novas tecnologias, como o reconhecimento facial, para tornar o processo cada vez mais simples, ágil e menos oneroso. “Estamos usando o reconhecimento facial para a prova de vida em teste com os aposentados do Instituto, que será usada nos próximos anos para os demais”, afirma o diretor Zachert. Outra inovação é a ferramenta de segurança utilizada para identificar caso alguém esteja usando a matrícula e senha de aposentado já falecido, cancelando imediatamente o benefício.

No evento, o diretor Zachert também fez esclarecimentos sobre a nova alíquota de contribuições extraordinárias do PBD, aprovada no plano de custeio relativo a 2021, cujo valor retroativo será parcelado nos meses de outubro, novembro e dezembro, reduzindo o impacto na renda dos aposentados. Saiba mais aqui.

2ª LIVE sobre Recadastramento de Aposentados acontece dia 28

Evento ao vivo será transmitido pelo canal do Postalis no Youtube e acontecerá em novo horário.

Na próxima quarta-feira (28), às 16h30m, a Diretoria de Gestão Previdencial realizará a 2ª LIVE sobre o Recadastramento de Aposentados 2022 para esclarecimentos sobre o processo, dicas de preenchimento do formulário online e tira-dúvidas respondidas pelos técnicos do Instituto. O link para acesso ao evento é https://www.youtube.com/watch?v=RntEEnbzYR4 .

O recadastramento obrigatório começou em 1º de agosto e deve encerrar no dia 31 de outubro. O processo abrange o recadastramento de dados dos beneficiários de aposentadoria paga pelos planos de previdência PBD e Postalprev.

Neste primeiro momento, o recadastramento será para ex-funcionários dos Correios. O recadastramento dos aposentados que são do patrocinador Postalis ainda não está disponível e será realizado posteriormente.

Manter o cadastro atualizado é uma necessidade para o Postalis, uma obrigação dos participantes e assistidos e uma segurança para seus familiares. Participe!

O recadastramento de aposentados 2022 inicialmente está disponível pelo link https://www.postalis.org.br/recadastramento . A novidade deste ano é que todo o processo será realizado por meio digital tornando mais ágil e transparente o deferimento e as eventuais atualizações, gerando comodidade aos participantes.

Recadastramento de Aposentados 2022 inicia em agosto

No dia 01/08/2022 começa o processo de recadastramento de dados dos beneficiários de aposentadoria paga pelos planos de previdência PBD e Postalprev. O prazo vai até o dia 31/10/2022.

Acesse a página do recadastramento e realize os procedimentos necessários: https://www2.postalis.org.br/recadastramento. No caso de dúvidas consulte  o vídeo explicativo ou acesse o tutorial em formato PDF . Se preferir, acesse a gravação da LIVE no Youtube realizada no dia 24/08 (quarta-feira). Clique aqui!

Neste primeiro momento, o recadastramento será para ex-funcionários dos Correios. O recadastramento dos aposentados que são do patrocinador Postalis ainda não está disponível e será realizado posteriormente. 

O procedimento estava suspenso desde 2017. Manter o cadastro atualizado é uma necessidade para o Postalis, uma obrigação dos participantes e assistidos e uma segurança para seus familiares.

O recadastramento de aposentados 2022 inicialmente está disponível pelo link https://www2.postalis.org.br/recadastramento . A novidade deste ano é que todo o processo será realizado por meio digital tornando mais ágil e transparente o deferimento e as eventuais atualizações, gerando comodidade aos participantes.

Atenção! Para realizar o recadastramento, o(a) participante deverá possuir:

– Login de acesso ao site PostalisOnline – AUTOATENDIMENTO;
– Número de celular cadastrado em seus dados de contato(*);
– Hiscre (Histórico de Crédito), do mês de julho de 2022 ou superior, baixado do MeuINSS e em formato PDF; e
– Para os participantes que tiveram mudança no número de benefício concedido no INSS, deverão possuir a Carta de Concessão (completa) informando o novo número, que também poderá ser baixado no MeuINSS e em PDF.

(*) Para maior segurança, o número de celular só pode ser atualizado pela nossa central de atendimento (0800 879 0300).

A participação dos(as) aposentados(as) é obrigatória e a não realização dos procedimentos acarretará a suspensão dos pagamentos dos benefícios a partir do mês de novembro/2022.

Previc determina suspensão temporária de empréstimos a empregados dos Correios

Previc determina suspensão temporária de novos empréstimos para empregados dos Correios. Postalis estuda, com os Correios, desconto parcial em folha para evitar a suspensão.

A Previc, órgão fiscalizador das entidades fechadas de previdência complementar, determinou que o Postalis suspenda, a partir do dia 19 de novembro, novas concessões de empréstimos a funcionários ativos dos Correios. A razão é a alta inadimplência, em torno de 20%, dos contratos em vigor.

Para evitar a suspensão, o Instituto vem trabalhando com os Correios numa solução tecnológica para permitir o desconto parcial de parcelas na folha de pagamentos dos empregados da Empresa.

Hoje, a Estatal realiza o desconto em folha somente no valor integral da parcela e caso ela esteja dentro da margem consignável. A ideia é descontar o que couber dentro desta margem, cobrando o restante por meio de boleto.

A determinação da Previc valerá apenas para a concessão de novos empréstimos a este público. Como o desconto parcial já ocorre para os assistidos e para os funcionários do Postalis, não haverá alterações para estes segmentos. Também, nada muda para os empregados dos Correios que já possuem empréstimos contratados.

Recentemente, o Postalis atualizou o regulamento dos empréstimos para permitir o desconto parcial dos empregados ativos dos Correios, já que a regra anterior falava somente dos assistidos.

Caso seja implementado o desconto parcial até o prazo estabelecido pela Previc para a suspensão dos empréstimos, o fechamento da carteira não será mais necessário.

Desde a intervenção, o Instituto vem adotando medidas para reduzir a inadimplência dos empréstimos e manter funcionando esse importante serviço que também é um significativo investimento dos recursos dos planos BD e Postalprev.

Entretanto, é fundamental que os participantes tenham sempre em mente que todos perdem com a inadimplência.

Comunicado sobre declarações de IRPF pendentes na Malha Fiscal

Acompanhe aqui as orientações e esclarecimentos para cada situação de pendência com a Receita Federal

ATUALIZADO em 27/09 – O Postalis finalizou na tarde da última sexta-feira (24) o envio de todos os lotes de retificação à Receita Federal, os quais já estão sendo processados. A previsão é de que as declarações de assistido, com pendência relativa às contribuições, sejam liberadas até 30/09/2021.

Consulte o e-CAC para verificar a situação da sua declaração. Se a partir do dia 01/10, após consultar o e-CAC, a sua declaração ainda estiver retida na malha fiscal, salve a página que apresenta a pendência e nos envie para análise por meio do Fale Conosco.

======

ATUALIZADO 23/09 – O Postalis iniciou a retificação das informações para a Receita Federal e a previsão é que a conclusão de envio pelo Instituto e processamento pela Receita aconteça até 08/10/2021.

A retificação da e-Financeira consiste em corrigir o código de reconhecimento do valor referente a contribuição de assistido (8,7% do valor do benefício) do Plano BD, com isso a Receita Federal identificará o valor de contribuição à previdência privada conforme consta no informe de rendimentos disponibilizado pelo Postalis.

O envio para a Receita acontece em lotes de referência mensal, dos meses de 2019 e 2020, e as informações podem ser processadas gradativamente pela Receita (exemplo: contribuições de 01/2020, depois 02/2020 e assim por diante até o fechamento anual).

Alertamos que podem ocorrer alterações dos valores no sistema e-CAC nos próximos dias, mas ainda não será o resultado final. A expectativa é que a informação esteja completa para regularização da pendência até 08/10/2021.

====

Depois da retificação que o Postalis realizou referente às informações de contribuição, um grupo de participantes ativos e assistidos permaneceu na malha fina. Abaixo, vamos esclarecer o que ocorreu e o que precisa ser realizado de acordo com cada situação: participante ativo ou aposentado, associados da ADCAP ou UNACOB, declaração na malha fiscal com pendência ou contribuinte intimado pela Receita.

1. Participantes ativos que são associados da ADCAP e estão amparados por liminar judicial (declaração com pendência)

De acordo com os esclarecimentos da Receita Federal, em seminário promovido pela Associação Nacional dos Contabilistas das Entidades de Previdência – ANCEP (saiba mais), apenas as contribuições normais (Postalprev) foram consideradas para fins de dedução do imposto de renda, sendo, nesta análise automática da declaração, desconsideradas as contribuições extraordinárias do Plano BD para os participantes que estão amparados por liminar judicial favorável a dedução da contribuição extraordinária.

Como resolver a pendência referente à contribuição?

A Receita estabeleceu que fará a análise individual das declarações dos contribuintes com decisão judicial favorável à dedução da contribuição extraordinária.

Para isso, os participantes terão que entregar a documentação necessária para esta análise. Se comprovadas as informações apresentadas na declaração, ela deixará a malha fiscal e seguirá o processamento normal.

Quais documentos deverão ser apresentados à Receita?

Os documentos são: o(s) informe(s) de rendimentos do ano em que consta a pendência (2019 e/ou 2020) e os documentos comprobatórios da liminar judicial que estabelece a dedução da contribuição extraordinária.

Como conseguir os documentos?

O informe de rendimentos é aquele emitido pelos Correios, referente ao ano-calendário da pendência. O participante associado da ADCAP poderá acessar os documentos disponibilizados pela Associação por meio do link abaixo e qualquer dúvida entrar em contato no endereço: apoioimpostoderenda@adcap.org.br
Solicite os documentos por meio do endereço: https://adcap.org.br/index.php/malha-fina-iv-liminar-para-apresentacao-na-receita-federal/

 

Como entregar os documentos à Receita?

A Receita permite que os documentos sejam enviados pela internet, Portal e-CAC, sem a necessidade de comparecimento presencial. Veja como apresentar os documentos:

www.gov.br/pt-br/servicos/entregar-documentos-de-malha-fiscal-de-imposto-de-renda

2. Assistidos: aposentados do Plano BD

O Postalis realizará uma nova retificação das informações transmitidas à Receita Federal. A retificação da e-Financeira consistirá na transmissão em campos separados das informações de contribuições do Plano BD: contribuição de assistido (8,7% do valor do benefício) e contribuição extraordinária. Na transmissão realizada no mês de agosto, estas informações foram enviadas em um único campo o que implicou na divergência apresentada no e-CAC.

Com este arquivo retificador, que está sendo preparado para transmissão com a maior brevidade possível, o valor de contribuição à previdência privada, conforme consta no informe de rendimentos disponibilizado pelo Postalis, será o mesmo informado pelo Instituto na e-Financeira.

Orientamos que os assistidos aguardem para verificar a situação da declaração, depois de finalizado o envio destas informações pelo Postalis e realizado o processamento pela Receita.

Atenção! Se você recebeu Intimação Fiscal, siga as orientações do próximo tópico.

3. Aposentados e ativos que receberam Intimação Fiscal

Se você recebeu a Intimação Fiscal porque sua declaração caiu na malha, em razão da divergência de contribuição à previdência privada, então é necessário que apresente, dentro do prazo estabelecido na intimação, os documentos para comprovar as informações prestadas na sua declaração.

Os assistidos não precisam aguardar a retificação do Postalis. Estes já podem apresentar os documentos exigidos para análise da Receita. Se for o caso, o Postalis será notificado para justificar ou corrigir as informações.

Quais documentos deverão ser apresentados à Receita?

Os documentos são: o(s) informe(s) de rendimentos do ano em que consta a pendência (2019 e/ou 2020) e os documentos comprobatórios da liminar judicial que estabelece a dedução da contribuição extraordinária. O Termo de Intimação pode trazer a exigência de mais documentos. Então, leia-o atentamente e envie todos os documentos necessários para análise da sua declaração.

Como conseguir os documentos?

O informe de rendimentos é aquele já emitido pelos Correios e/ou Postalis, referente ao ano-calendário apontado pela Receita. Os documentos referentes à liminar judicial deverão ser solicitados à  Entidade responsável pela ação judicial da qual você faz parte:

Associados da UNACOB – Solicite os documentos por meio do Portal:
https://unacob.com.br/contato

Associados da ADCAP – Solicite os documentos por meio do endereço:
https://adcap.org.br/index.php/malha-fina-iv-liminar-para-apresentacao-na-receita-federal/

Como entregar os documentos à Receita?

A Receita permite que os documentos sejam enviados pela internet, sem a necessidade do comparecimento presencial. Veja como encaminhar os documentos solicitados nos links abaixo:

www.gov.br/pt-br/servicos/entregar-documentos-de-malha-fiscal-de-imposto-de-renda

ou

www.gov.br/receitafederal/pt-br/assuntos/meu-imposto-de-renda/malha-fiscal/intimação

Depois destas providências por parte do Postalis e/ou dos próprios participantes é esperado que as declarações sejam liberadas pela Receita Federal, para que os contribuintes recebam a restituição ou realizem o pagamento devido do imposto de renda.

Em caso de dúvida sobre as orientações acima, ou se o seu caso não se enquadra em nenhuma das situações apresentadas, envie sua manifestação por meio do Fale Conosco.

Para possibilitar a análise dos casos pelo Postalis, envie em anexo a crítica do e-CAC e o informe de rendimentos utilizado na declaração.

Postalis lança aplicativo de consulta por celular

O App está disponível nas versões Android e iOS

Para baixar, procure nas lojas de aplicativos pelo nome: Mobile do Postalis. Selecione e instale.

Para fazer o login, o participante deve informar o seu CPF e a mesma senha de acesso ao Postalis ONLINE. Em seguida, receberá um SMS de confirmação contendo uma senha que deverá ser inserida no aplicativo.

Nesta primeira versão os usuários podem:

– consultar contratos e limites de empréstimo;
– consultar e atualizar seus dados de contato;
– consultar suas contribuições e saldos de contas nos planos BD e Postalprev;
– consultar comprovantes (contracheque de benefícios, Extrato para IR e Resgate).

Outros serviços serão adicionados em novas versões como: extrato dos planos, contratação de empréstimo, simulador de aposentadoria, etc… .

Caso haja alguma dúvida na utilização do app, acesse o fale conosco ou ligue na Central de Atendimento 0800 879 0300.

Acompanhar de perto o próprio plano de previdência é um dos cuidados que os participantes de um fundo de pensão devem ter com seu futuro. Com o aplicativo do Postalis o participante poderá acessar as informações do(s) seu(s) plano(s) a qualquer hora e de qualquer lugar.

Aproveite mais essa facilidade que o Postalis disponibilizou para você!

Aponte a câmera do seu celular para o QR Code das lojas Android e iOS e baixe o aplicativo:

                        Apple (iOS)                                 Google Play (Android)

Cadastro atualizado é proteção para você e sua família

Manter o cadastro atualizado é uma necessidade para o Postalis, uma obrigação dos participantes e assistidos e uma segurança para seus familiares.

Participantes ativos e assistidos precisam manter atualizado o endereço, dados de contato, dados bancários e os beneficiários. A atualização cadastral deve ser realizada sempre que houver alteração destas informações.

Para os participantes ativos e aposentados, destacamos a importância de manter atualizados os beneficiários, pois a concessão de pensão/pecúlio está condicionada a inscrição prévia destas pessoas pelo próprio participante. Para garantir o direito dos seus familiares ou indicados, mantenha atualizado o seu cadastro.

Como participantes ativos e aposentados atualizam o cadastro?
A atualização cadastral de endereço, dados bancários, dados de contato pode ser realizada pelo próprio participante no autoatendimento (Postalis Online). A atualização de beneficiários é realizada exclusivamente em contato com o Postalis.

Autoatendimento: Postalis Online > Login > Cadastro (menu à esquerda) > Dados Cadastrais

O que preciso para atualizar os beneficiários?
Para atualização recomendamos que envie via Fale Conosco os documentos dos seus beneficiários de acordo com o parentesco e a ação de inclusão ou exclusão. Clique aqui e veja os documentos necessários.

Quem pode ser cadastrado como beneficiário?
Nos planos BD e Postalprev existem dois grupos de beneficiários: diretos e indicados. Os beneficiários diretos são cônjuge, companheiro (a), filhos e enteados até 21 anos ou 24 anos se universitários, filho inválido.

No Plano BD, além dos beneficiários mencionados anteriormente pode ser inscrito também ex-cônjuge com pensão ou pais acima de 55 anos que são dependentes econômicos do participante. Na ausência de beneficiários diretos, o participante pode inscrever qualquer pessoa como indicado.

Sou aposentado e preciso atualizar meus dependentes de imposto de renda. Como fazer?
Entre em contato via Fale Conosco ou Central de Atendimento para que seja preenchido o formulário de atualização de dependentes de imposto de renda.

Sou pensionista, como atualizo o meu cadastro?
A atualização cadastral de pensionista é realizada exclusivamente por meio da Central de Atendimento: 0800 879 0300 (de segunda a sexta-feira das 8h às 18h).

Qual a diferença entre o recadastramento anual dos assistidos e a atualização cadastral?
O objetivo principal do recadastramento anual dos assistidos (aposentados e pensionistas) é a prova de vida e a comprovação da condição de pensionista; o recadastramento ocorre em períodos determinados pelo Postalis. A atualização cadastral abrange todos os participantes, aposentados e pensionistas; pode acontecer a qualquer tempo e sempre que houver alteração cadastral.

Sou aposentado, quando começa o recadastramento?
O recadastramento de aposentados está programado para o 2º semestre de 2021. Quando iniciar a campanha, o Postalis fará uma ampla divulgação. Fique atento e não perca o período da campanha para evitar a suspensão do benefício.

Sou pensionista, o meu recadastramento é quando?
A campanha de recadastramento de pensionista terminou no dia 30/06/2021. Se ainda não fez, faça agora . Os benefícios de quem não realizou  foram suspensos desde julho/21.

Recuperação de R$ 400 milhões em ativos do Postalis é tema de notícia no Valor

Diretor de Investimentos, Pedro Pedrosa, comenta as estratégias do Instituto para recuperar recursos dos planos

As estratégias e os resultados do esforço de recuperação de ativos de investimentos mal sucedidos, feitos em gestões passadas do Postalis, foram tema de reportagem publicada hoje, no jornal Valor Econômico. A notícia trata dos quase R$ 400 milhões já recuperados até agora e as perspectivas do Instituto para reincorporar mais recursos ao patrimônio dos planos de benefícios.

Em entrevista, o atual Diretor de Investimentos, Pedro Pedrosa, falou deste trabalho que demonstra a mudança em curso no Postalis, visando a sustentabilidade da entidade em benefício de seus participantes. “Vamos continuar com os trabalhos em parcerias com gestores, recuperadores e escritórios. E vamos intensificar a questão jurídica quando necessário”, afirmou ao jornal.

Assinantes do Valor podem ler a íntegra da notícia clicando aqui.